15.6 C
Distrito Federal
quarta-feira, maio 29, 2024

Tire o seu dinheiro da poupança agora! Saiba o motivo

Em 2023, um número expressivo de investidores optou por retirar os recursos da poupança. Recentemente, o Banco Central revelou uma situação preocupante para os investidores, que deve afetar a economia brasileira. Segundo o que foi divulgado, o ano passado registrou o segundo pior resultado desde o início da série histórica em 1995, com retiradas superando as aplicações em R$ 87,819 bilhões.

Neste caso, a poupança, que já enfrentava desafios em 2022 com um recorde negativo de R$ 103,237 bilhões em saques líquidos, continuou a enfrentar dificuldades em 2023, com apenas dois meses positivos: junho e dezembro. Neste último mês, aliás, apresentou um ingresso líquido de R$ 13,771 bilhões, o melhor resultado para dezembro desde 2020, quando a captação líquida atingiu R$ 20,601 bilhões.

No mês passado, a aplicação na poupança totalizou R$ 363,876 bilhões, enquanto os saques alcançaram R$ 351,104 bilhões. Levando em conta o rendimento de R$ 5,396 bilhões, o saldo total da caderneta atingiu R$ 983,033 bilhões ao final de dezembro.

Apesar disso,o último ano com captação líquida foi 2020, quando a poupança recebeu R$ 166,309 bilhões em meio à pandemia de covid-19. No entanto, desde então, os números têm sido desafiadores, indicando uma mudança no comportamento dos investidores.

Atualmente, a poupança é remunerada pela taxa referencial (TR) de 0,0912% ao mês (1,0999% ao ano), mais uma taxa fixa de 0,5% ao mês (6,17% ao ano), com a taxa Selic em 11,75% ao ano. É importante observar que quando a Selic está abaixo de 8,5%, a atualização é feita pela TR mais 70% da taxa básica de juros.

Motivos para não investir na poupança

Dimheiro 1
A poupança não apresenta mais tantas vantagens para investidores. (Reprodução/Internet)

A poupança é segura, quase sem risco, e oferece liquidez diária. Embora seja uma opção melhor do que deixar o dinheiro parado em uma conta sem rendimentos, geralmente não é a escolha mais vantajosa, sobretudo hoje, já que existem outras opções mais lucrativas no mercado. 

Abaixo, entenda porque a poupança não é mais uma da melhores opções de investimentos: 

  • Aniversário de Depósito

O lucro só entra na sua conta no “aniversário da poupança”, ou seja, um mês depois de você depositar. Resumindo, há uma data fixa a cada mês para os valores aparecerem no seu saldo.

  • Baixo rendimento

O receio e a falta de conhecimento levam muitas pessoas a escolherem a poupança como único investimento. No entanto, como mencionamos, os ganhos da poupança são baixos que, em períodos de alta inflação, podem resultar em perdas reais.

Apesar disso, existem alternativas no mercado tão seguras quanto a poupança, mas com rendimentos significativamente melhores. Por exemplo, os certificados de Depósito Bancário (CDBs) e títulos do Tesouro Direto podem ajudar a diversificar os investimentos e podem ser uma estratégia inteligente para maximizar os ganhos e proteger o patrimônio contra a inflação.

  • Segurança

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, a poupança não é necessariamente o investimento mais seguro no Brasil. A segurança está vinculada à estabilidade financeira do banco e ao Fundo Garantidor de Crédito, que cobre até 250 mil reais por CPF em caso de falência bancária. Dessa forma, existem opções de investimento simultâneas à poupança que oferecem rendimentos superiores, mantendo a mesma segurança.

  • Falta de diversificação de carteira

Muitos investidores ficam limitados a uma única opção, mas para aqueles envolvidos no mercado financeiro, ou iniciantes, a melhor forma para proteger investimentos e obter melhores retornos é a diversificação da carteira. Quanto mais variado o portfólio de investimentos, maior a proteção contra as variações do mercado e maiores as chances de identificar oportunidades vantajosas.

Fonte: R7 – Economia

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Pesquisar

Últimas Notícias

Categorias