27.6 C
Distrito Federal
quarta-feira, abril 17, 2024

Quem é Makarov? Conheça o vilão de COD: Modern Warfare 3

A Activision revelou recentemente que está trabalhando em Call of Duty: Modern Warfare 3, e já começou as campanhas de divulgação do game. Em um trailer revelado nesta quarta-feira (9), vemos que os protagonistas do game estarão no encalço de Makarov.

Mas, afinal, quem é ele? O que ele realmente planeja fazer? Saiba um pouco mais sobre este perigoso inimigo nas linhas a seguir!

AVISO DE SPOILERS: este texto terá spoilers da trilogia original e também de Call of Duty: Modern Warfare 2, jogo mais recente na franquia.

Voltando ao passado

Para entender o que Makarov pode fazer no novo game, voltaremos ao que nos foi apresentado na trilogia Modern Warfare original. Enquanto em Call of Duty 4: Modern Warfare ele foi apresentado como um personagem secundário, seu papel cresceu nos outros dois jogos.

O vilão é tido como um estrategista inteligente e implacável, capaz de cometer as mais diversas atrocidades para cumprir seus objetivos. Na versão original de Modern Warfare 3, sua biografia indicava que ele concluiu a graduação na academia militar de Frunze e se tornou um capitão do exército russo, chegando inclusive a passar pelo Spetsnaz (um grupo de operações especiais da Rússia).

Sua carreira nas forças especiais entrou em decadência quando, em uma de suas turnês de trabalho na Chechênia, ele foi acusado de realizar alguns ataques brutais classificados como tentativa de “limpeza étnica”. Por conta disso, seu nome foi levantado como um dos grandes violadores dos Direitos Humanos e, após seu desligamento das forças armadas, passou a oferecer seu conhecimento para ajudar criminosos e terroristas.

O início dos crimes

Foi nessas andanças que ele conheceu Imran Zakhaev, um Ultranacionalista que conseguiu manter Makarov sob controle enquanto trabalhavam juntos. Porém, as coisas saíram novamente dos eixos quando, em 1996, ele viu Zakhaev ser baleado e ter o braço direito mutilado pelo então tenente Price, mas acabou salvando seu chefe e ganhando ainda mais a confiança dele.

O final de Call of Duty 4: Modern Warfare mostra que Zakhaev foi morto, dando espaço para Makarov juntar recursos e fazer alguns contatos para iniciar um novo grupo de extremistas, pronto para uma nova rodada de violência em suas ações, inclusive contra outros nomes russos que se colocassem contra suas ideias e planos.

Massacre atrás de massacre

Para se ter uma ideia da periculosidade de Makarov, em Call of Duty: Modern Warfare 2 ele tem seu nome associado ao ataque terrorista lançado no Aeroporto Internacional de Zakhaev, culminando na morte de centenas de pessoas inocentes em eventos vistos no polêmico estágio No Russian

Desse ponto em diante, sua insanidade de ações começou a escalar cada vez mais. Ele conseguiu, por exemplo, colocar suas mãos em armas químicas com o intuito de atacar várias capitais europeias para que a Rússia se tornasse a grande nação do continente, conforme visto em Call of Duty: Modern Warfare 3 (um dos trechos inclusive está a seguir):

Seu último ato de crueldade foi um golpe de Estado contra o presidente Boris Vorshevsky, com quem já tinha algumas desavenças há algum tempo. Para concluir esse objetivo, Makarov consegue convencer diversos generais russos de que uma guerra contra os Estados Unidos seria algo vantajoso, indo contra o que o líder da Rússia desejava e acreditava.

Pensando nisso, ele sequestra o avião em que Vorshevsky estava. A proposta deste era se encontrar com líderes dos Estados Unidos e da OTAN para negociar um acordo de paz, mas já se pode deduzir que seus planos foram frustrados.

Fim da linha

Neste ponto, a guerra já estava em andamento na Europa, e é durante uma dessas ações que Makarov prepara uma armadilha para os membros de TF 141 e acaba matando Soap, o que deixa o capitão Price com “sangue nos olhos”.

Ao final dessa jornada, Price tem sua vingança estabelecida. Durante um confronto contra Makarov, ele coloca uma corda em seu pescoço e o lança de um telhado de vidro, tendo a chance de observar seu corpo sem vida por algum tempo e colocando fim aos atos de um dos piores vilões da franquia Call of Duty.

Makarov nos novos tempos

Com a chegada da nova trilogia de Call of Duty, temos muitos eventos alterados ou reescritos. Ghost, por exemplo, permanece vivo (na trilogia original ele morria em Modern Warfare 2), então há grandes chances de que o destino de Makarov também seja mudado no novo game de alguma forma.

Quais são os tipos de atos que ele pode provocar no Modern Warfare 3 deste ano? Teremos alguns momentos tão marcantes quanto a fase No Russian? Compartilhe a sua opinião com os demais leitores o Voxel utilizando as nossas redes sociais!

Call of Duty: Modern Warfare 3 será lançado para PC e consoles em 10 de novembro. Já a revelação mundial do game (possivelmente com vídeos de campanha e multiplayer) está agendada para 17 de agosto.

Jogo Call of Duty: Black Ops Cold War, Playstation 5

Imagem: Jogo Call of Duty: Black Ops Cold War, Playstation 5
Imagem: Tecmundo Recomenda

A sequência direta do Call of Duty: Black Ops. O Black Ops Cold War lançará os fãs nas profundezas da volátil batalha geopolítica da Guerra Fria no início dos anos 1980.

Fonte: R7 – Games

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Pesquisar

Últimas Notícias

Categorias