24.6 C
Distrito Federal
quinta-feira, junho 13, 2024

Cabo Frio realiza primeiro Levantamento do Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa) de 2024

Cidade se mobiliza para combater a proliferação do mosquito transmissor de doenças

O município de Cabo Frio deu início nesta segunda-feira (8) ao primeiro Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa) de 2024 para identificar áreas de maior infestação do mosquito transmissor da dengue, chikungunya, zika e febre amarela.
A ação, que acontece durante toda a semana, é realizada pela Coordenadoria de Vigilância em Saúde Ambiental da Secretaria de Saúde do município.
Os agentes de endemias já estão percorrendo os bairros da cidade para coletar informações sobre a proliferação do Aedes aegypti. Os indicadores nortearão as estratégias e ações de combate ao mosquito, visando a prevenção das doenças por ele transmitidas.
A previsão é que os resultados do levantamento sejam divulgados na segunda quinzena de janeiro, fornecendo uma visão abrangente sobre a situação do município em relação à presença do mosquito. Esses dados irão orientar medidas específicas e eficazes no controle do Aedes aegypti.
Pelas normas do Ministério da Saúde (MS), o ideal é que o índice de infestação predial do mosquito esteja abaixo de 1% para ser considerado satisfatório. Se a taxa estiver entre 1% e 3,9% é considerado estado de alerta. Quando o percentual está acima de 3,9%, o órgão federal classifica como risco de surto das doenças transmitidas pelo mosquito.
Além dessa medição, Cabo Frio possui diversas atividades permanentes durante todo o ano. Os agentes de endemias percorrem constantemente os bairros da cidade atuando no controle de focos do mosquito e os criadouros predominantes.

Mesmo com todas as medidas promovidas pelo poder público, a população deve ficar atenta e realizar as ações de prevenção para coibir a proliferação do mosquito nas residências, que são os locais predominantes de focos.

Fonte: ASCOM

Comunicar erro

Fonte: RJNEWS – Cidades

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Pesquisar

Últimas Notícias

Categorias