26.6 C
Distrito Federal
terça-feira, maio 28, 2024

túnel subaquático vai conectar Santos e Guarujá

O Governo Federal e o do Estado de São Paulo anunciaram na sexta-feira (2) um projeto ambicioso que promete transformar a mobilidade entre as cidades litorâneas de Santos e Guarujá: o primeiro túnel subaquático da América Latina.

Com uma extensão de 850 metros, a obra será um marco tecnológico e inovador na região. O túnel contará com três faixas em cada sentido, incluindo uma adaptada para o Veículo Leve Sob Trilhos (VLT), uma passagem para pedestres e uma ciclovia, totalizando 1,5 km de extensão.

Veja também

No entanto, um dos principais desafios enfrentados será a profundidade mínima de 21 metros, pois o túnel passará por baixo do canal do Porto de Santos.

A solução para isso envolve a construção de seis módulos pré-moldados com concreto armado, que serão transportados até o local sem interromper o fluxo de navios no porto.

Detalhes da construção

A obra, estimada em R$ 5,9 bilhões e resultado de uma parceria público-privada (PPP), visa reduzir significativamente o tempo de deslocamento entre as duas cidades, aliviar o tráfego na Rodovia Cônego Domênico Rangoni (SP-055) e priorizar o uso do canal do porto para navios de carga e passageiros.

Apesar do anúncio recente, a discussão sobre a construção desse túnel tem mais de 100 anos e passou por diversas reformulações.

A previsão é que a inauguração ocorra em 2028, com a licitação e o início das obras previstos entre 2024 e 2025.

Vídeo explica mais sobre o projeto – Vídeo: YouTube/Reprodução

Segundo projeções da Autoridade Portuária de Santos, a travessia entre as duas cidades será reduzida para 1 minuto e 42 segundos, em comparação com os atuais 60 minutos por estrada e de 18 a 60 minutos via balsa.

Além da melhoria na mobilidade, o túnel permitirá a integração com o futuro Aeroporto Regional do Guarujá.

Entretanto, a iniciativa enfrenta desafios logísticos e tecnológicos, e está prevista a realocação de 700 famílias que vivem em áreas portuárias.

Apesar dos obstáculos, a construção do túnel subaquático promete ser um divisor de águas na infraestrutura da região, proporcionando benefícios significativos para a população e o desenvolvimento local.

Fonte: R7 – Tecnologia

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Pesquisar

Últimas Notícias

Categorias