24.6 C
Distrito Federal
terça-feira, março 5, 2024

Tempere o churrasco com pimenta coreana para variar o menu de verão

Nós, brasileiros, tendemos a achar que churrasco é coisa nossa. Mas é fato que quase toda cultura tem sua modalidade de carne feita na brasa —eu mesmo fiz, para a Copa de 2018, uma matéria sobre o churrasco dos anfitriões russos.

Um dos churrascos internacionais mais bacanas é o coreano. São Paulo tem vários restaurantes dessa especialidade, já que a cidade abriga uma numerosa comunidade de imigrantes e descendentes.

Enquanto o churras brasileiro tem uma sequência que vai do pão de alho à picanha, os coreanos jogam mil comidas de uma só vez sobre a mesa —é o banchan, acompanhamentos de conservas, panquequinhas e outras delícias.

Além disso, a carne chega crua e fatiada à mesa. Cada pessoa prepara o próprio churrasco num fogareiro que fica no centro da mesa.

O que proponho aqui é algo intermediário, uma mistura marota do Brasil com a Coreia. Churrasco à brasileira com tempero coreano, para variar o cardápio de verão.

Há alguns temperos clássicos. Um deles é adocicado, com shoyu e purê de pera, usado para a carne de boi. Para aves e porco, combina perfeitamente o tempero picante.

A receita da vez é uma marinada apimentada para temperar frango, costelinha, pancetta e até frutos do mar. Eu usei nas coxinhas da asa.

A base do tempero é um negócio chamado gochujang: uma pasta vermelha, feita com missô, pó de pimenta e outros paranauês. Quase toda mercearia oriental tem e também dá para comprar online.
De qualquer modo, dá para improvisar misturando ingredientes menos específicos.

Não se assuste: é um tempero picante e vermelhão, que arde, mas não machuca. É, sobretudo, muito saboroso (o missô o torna algo especial).

Aí você assa sua carninha do jeito que achar melhor. O tempero serve também para receitas de forno, air fryer ou mesmo na frigideira. E serve o churrasco coreano-brasileiro com kimchi, farofa, soju, caipirinha, o que der na telha.


Tempero coreano para churrasco

Rendimento: 500 g de frango ou porco
Dificuldade: fácil

Ingredientes

Para a pasta de pimenta

  • 50 g de missô
  • 1 dente de alho triturado
  • 1 colher (chá) de pimenta caiena
  • 2 colheres (sopa) de páprica picante ou doce
  • 2 colheres (sopa) de mel ou xarope de glucose

Para a marinada

  • 2 colheres (sopa) de gochujang ou pasta caseira de pimenta
  • 1 colher (sopa) de alho triturado
  • 50 ml de shoyu
  • 1 colher (sopa) de mel
  • 1 colher (chá) de óleo de gergelim
  • Pimenta-do-reino e cebolinha verde a gosto

Modo de fazer

  • Se for fazer a pasta de pimenta, misture os ingredientes até obter um creme liso e homogêneo. Guarde na geladeira até o dia seguinte
  • Misture os ingredientes e distribua o tempero sobre a carne de sua preferência
  • Antes de grelhar, deixe pegar gosto por pelo menos duas horas

Fonte: Folha de S.Paulo – Gastronomia

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Pesquisar

Últimas Notícias

Categorias