19.6 C
Distrito Federal
sábado, fevereiro 24, 2024

Nova reitora da Uerj toma posse

Nesta quarta-feira, 10, a médica Gulnar Azevedo e Silva tomou posse como reitora da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). A instituição será conduzida novamente por uma mulher, 24 anos depois da pioneira Nilcea Freire, também médica, que esteve no cargo entre 2000 e 2003. Gulnar Azevedo e o vice-reitor Bruno Deusdará foram empossados no Palácio Guanabara pelo governador do Estado do Rio de Janeiro, Cláudio Castro.

Durante a cerimônia, a reitora eleita ressaltou a importância da Uerj para a sociedade e os compromissos da gestão. “Temos hoje mais de 38 mil estudantes, 3 mil docentes e 5 mil técnicos distribuídos por diversas unidades no território fluminense. Realizamos um papel fundamental para o desenvolvimento do estado do Rio de Janeiro, formando profissionais e, sobretudo, ampliando o acesso ao ensino superior para as camadas mais pobres da nossa população”, disse Azevedo e Silva. “Queremos contribuir com todo o nosso potencial para garantir a democratização do acesso, a expansão sustentável, a luta por salários e bolsas, o ensino de qualidade e o compromisso da universidade pública com a construção de um futuro melhor”, pontuou.

O governador Cláudio Castro também reiterou seu comprometimento com a Uerj. “Garantimos que tudo o que foi pactuado será cumprido rigorosamente. E, sobretudo, respeitando a democracia e a vontade da comunidade acadêmica”, frisou.

Ainda este mês, no dia 19, acontece a solenidade de transmissão de cargo, no Teatro Odylo Costa, filho, no campus Maracanã da Uerj. Na ocasião, também serão empossados os demais dirigentes universitários. O evento será aberto ao público.

Trajetória

Gulnar Azevedo e Silva se graduou em medicina pela Uerj em 1978, fez residência em Medicina Preventiva na Universidade de São Paulo (USP), mestrado em Saúde Coletiva na Uerj e doutorado em Medicina Preventiva na USP. É professora titular do Instituto de Medicina Social Hesio Cordeiro (IMS) da Uerj desde 2000, que dirigiu entre 2016 e 2019. Foi presidente da Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) de 2018 a 2021.

Bruno Deusdará se graduou em Letras na Uerj em 2004, onde também concluiu o mestrado na mesma área e o doutorado em Psicologia Social. Desde 2009 é professor do Instituto de Letras da Universidade e, entre 2020 e 2023, foi diretor do Centro de Educação e Humanidade.

A nova gestão foi eleita em novembro de 2023 para conduzir a instituição no período de 2024 a 2027. Com 73 anos de existência, a Uerj é a maior universidade estadual do Rio de Janeiro e uma das dez melhores do Brasil, de acordo com o ranking do Center for World University Rankings (CWUR).

Fonte: RJNEWS – Educação

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Pesquisar

Últimas Notícias

Categorias