Fies: pré-selecionados devem enviar informações até esta sexta-feira
Pesquisa aponta redução de 404 mil trabalhadores no comércio em 2020
Pesquisa delineia possibilidades para um segundo turno no DF
Caso seja reeleito, Ibaneis pretende manter modelo do Iges-DF
Movimentação de cargas cresce 2,3% no trimestre no Porto de Santos

Vini Jr. ultrapassa Neymar e vira o protagonista brasileiro na Europa

Vini Jr. vive grande momento com a camisa do Real Madrid

Vini Jr. vive grande momento com a camisa do Real Madrid Ballesteros/EFE 12.12.21

Que Neymar é o melhor jogador brasileiro da última década, pouca gente tem dúvida. Porém, parece que o seu reinado está cada vez mais ameaçado. O herdeiro é um ponta habilidoso de apenas 21 anos e que já é titular do maior clube do mundo há algumas temporadas: Vini Jr.

Quando o Real Madrid desembolsou 45 milhões de euros em um atacante com apenas dois jogos como profissional, muita gente considerou uma loucura. E a princípio, realmente parecia, já que Vinícius demorou a deslanchar.

Algo extremamente normal, visto que ele tinha acabado de completar 18 anos quando desembarcou na Espanha para atuar inicialmente no Real Madrid B. Aos poucos, ele foi ganhando espaço, a confiança foi aumentando e o auge veio agora, na temporada 2021/2022.

Titular absoluto, ele já tem 23 jogos disputados, marcou 12 gols e distribuiu 9 assistências e, em novembro, foi eleito o melhor jogador do Campeonato Espanhol, onde o Real lidera com folga.

Neymar tem cada vez mais problemas com lesão na carreira

Neymar tem cada vez mais problemas com lesão na carreira REUTERS/Stephane Mahe

E se Vini brilha, Neymar vive sua pior temporada na Europa. Atualmente machucado e com volta prevista ao Paris Saint-Germain apenas para o fim de janeiro, ele atuou em 14 partidas, com apenas 3 gols marcados e outras 3 assistências.

Muito pouco para um craque que já esteve entre os três melhores do mundo duas vezes e que em 2014/2015, ano em que o Barcelona conquistou todos os títulos que disputou, balançou as redes adversárias 39 vezes.

A queda de Neymar fica ainda mais evidente em seu atual valor de mercado. O atacante, vendido em 2017 por 222 milhões de euros, ainda a maior transferência da história, hoje em dia está avaliado, segundo o Transfermarkt, em “só” 90 milhões.

Um deles com 29 anos e o outro com apenas 21, não é absurdo dizer que Vini Jr está mais perto de ser melhor do mundo do que Neymar.

Juntos, Neymar e Coutinho se desvalorizaram R$ 412 mi em 1 ano

Fonte: R7 – Esportes

Compartilhe este conteúdo!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Últimas Notícias:

vacina