25.6 C
Distrito Federal
quinta-feira, maio 30, 2024

Novas tendas de acolhimento da dengue ultrapassam 2,1 mil atendimentos no DF

As quatro novas tendas de acolhimento para pacientes com dengue no Distrito Federal realizaram mais de 2,1 mil atendimentos desde a última quinta-feira (11).

Instaladas pelo Governo do Distrito Federal (GDF) em Guará, Gama e Paranoá, essas unidades operam 24 horas por dia. Em Planaltina, uma nova tenda foi inaugurada no último domingo (14) e funciona das 7h às 19h no estacionamento do hospital regional, com capacidade para 150 atendimentos diários. Apesar disso, no dia da inauguração, registrou 186 atendimentos, com um caso exigindo tratamentos mais avançados.

Em breve, Ceilândia também receberá uma nova tenda, que será a segunda na região e funcionará no estacionamento do Hospital Regional de Ceilândia (HRC), diariamente das 7h às 19h. A primeira tenda em Ceilândia está situada na Administração Regional.

No total, a capital federal terá 20 tendas de assistência a casos de dengue, incluindo três que oferecem atendimento 24 horas e 17 com funcionamento das 7h às 19h. Destas, seis estão em fase de instalação. A Secretária de Saúde, Lucilene Florêncio, destaca que as tendas, ao serem colocadas ao lado de unidades de saúde já existentes, visam reduzir o tempo de espera e facilitar o acesso ao diagnóstico rápido e ao tratamento, como hidratação ou transferência para outros locais, se necessário.

As tendas possuem uma estrutura similar aos hospitais de campanha e estão estrategicamente localizadas próximas a hospitais, unidades de pronto atendimento (UPAs) e unidades básicas de saúde (UBSs), melhorando a velocidade de atendimento dos pacientes sintomáticos e diminuindo a pressão sobre o Sistema Único de Saúde (SUS).

Desde o início do ano, o GDF já havia instalado tendas de acolhimento em nove administrações regionais, todas funcionando das 7h às 19h: Ceilândia, Sol Nascente/Pôr do Sol, Samambaia, Sobradinho, São Sebastião, Estrutural, Recanto das Emas, Brazlândia e Santa Maria.

Fonte: Com informações da Agência Brasília

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Pesquisar

Últimas Notícias

Categorias