22.6 C
Distrito Federal
sexta-feira, julho 12, 2024

por que 30% são demitidos em apenas 1 mês?

Você sabia que o desafio de integrar a Geração Z no mercado de trabalho vai além de simples questões de etiqueta?

Uma recente pesquisa da ResumeBuilder revela uma preferência de mais de 30% dos recrutadores por trabalhadores mais experientes em detrimento dos candidatos dessa geração, nascidos entre 1995 e 2010.

Veja também

Surpreendentemente, 30% desses jovens profissionais são demitidos nos primeiros 30 dias de emprego.

Este fenômeno não apenas reflete uma diferença geracional de expectativas, mas também sinaliza desafios específicos no recrutamento e integração desses jovens ao ambiente de trabalho.

O que está errado com a Geração Z?

Profissionais de RH apontam problemas como inadequação no vestuário, falta de contato visual, expectativas salariais desproporcionais, comunicação ineficaz e um aparente desinteresse durante o processo de seleção.

Após a contratação, gestores relatam comportamentos que vão da arrogância às dificuldades de gestão.

Contudo, essas observações partem de uma perspectiva que pode não considerar as habilidades e o potencial inovador que a Geração Z traz para a mesa.

Estes jovens têm, sim, uma grande vontade de aprender e podem agregar valor significativo às organizações, desde que haja disposição para investir em seu desenvolvimento.

Geração Z vem enfrentando desafios no mercado de trabalho – Imagem: Drazen_/Getty Images Signature

As questões levantadas englobam desde a etiqueta básica até problemas mais complexos de ética e relacionamento interpessoal.

A chave para os recrutadores está em identificar candidatos com as características essenciais que possam ser aprimoradas por meio de aprendizado e feedback construtivo.

A era atual, marcada por mudanças socioeconômicas rápidas e pela pandemia de Covid-19, teve um impacto direto na formação profissional e nas expectativas de carreira da Geração Z.

A falta de experiência tradicional de trabalho e o surgimento de empregos remotos, com flexibilidade, mas bem remunerados, refletem uma nova concepção de sucesso, focada mais na realização pessoal do que na ascensão corporativa.

A solução para a integração efetiva dessa geração passa pela criação de programas de mentoria, oportunidades de aprendizado e desenvolvimento, aproveitando sua disposição para adquirir novas habilidades.

As empresas que reconhecem e agem sobre essa realidade, adaptando suas estratégias de recrutamento e gestão, estarão melhor posicionadas para aproveitar o potencial desses jovens profissionais.

Fonte: R7 – Entretenimento

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Pesquisar

Últimas Notícias

Categorias