Drenar-GDF-300x250-GIF
Programa oferece até R$ 21 mil de crédito para empreendedores negros
Governo lança programa para reduzir filas no sistema de saúde
UNE quer construir agenda com reivindicações ao governo federal
Anvisa fará webinar sobre novas regras de reprodução humana assistida
Mercado financeiro eleva projeção da inflação de 5,74% para 5,78%

Novas entregas do Cartão Prato Cheio beneficiam quase 40 mil famílias

Thaís Cristina Dias da Silva, beneficiária do Prato Cheio, e uma de suas filhas

Thaís Cristina Dias da Silva, beneficiária do Prato Cheio, e uma de suas filhas Arquivo Pessoal

O Cartão Prato Cheio vai atender mais 37.788 famílias em insegurança alimentar e nutricional do Distrito Federal pelos próximos seis meses. O crédito de R$250 foi liberado nesta sexta-feira (1).  O cartão não está habilitado para a função saque, e só pode ser utilizado nos comércios de produtos alimentícios.

Segundo a Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), está prevista a distribuição de novos cartões para o dia 18 de outubro. Nessa nova leva serão 29.346 beneficiários contemplados, mais de 8 mil deles estão retornando ao programa.

Criado no início da pandemia da covid-19, o benefício substitui a entrega de cestas básicas, que passaram a ser oferecidas apenas em caráter emergencial. Para recebê-lo, as famílias devem atender aos critérios de avaliação em um dos Centros de Atendimentos de Assistência Social (Cras). Quem já foi beneficiado anteriormente, e ainda estiver em situação de vulnerabilidade, pode refazer o cadastro e passar por nova avaliação.

Têm direito ao cartão, as pessoas com renda familiar igual ou inferior a meio salário mínimo por pessoa, inscritas no Cadastro Único ou no Sistema Integrado de Desenvolvimento da Sedes. A prioridade é para as famílias chefiadas por mulheres com crianças de até 6 anos, com pessoas com deficiência ou idosas e pessoas em situação de rua acompanhadas pela assistência social.

Compartilhe este conteúdo!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *