26.6 C
Distrito Federal
quinta-feira, maio 30, 2024

Milei reforça que vai fechar o Banco Central da Argentina ‘cedo ou tarde’

O presidente da Argentina, Javier Milei, afirmou nesta quinta-feira, 11, que “cedo ou tarde” fechará o Banco Central do país, conhecido como BCRA. Os comentários foram realizados em entrevista à emissora de rádio La Red AM, quando questionado se ainda implementará a dolarização da economia local.

+ Leia mais notícias do Mundo em Oeste

O presidente argentino ainda demonstrou otimismo sobre os números da inflação em dezembro, que foi de 25%, abaixo das expectativas prévias de 45% entre analistas do mercado. Para ele, o número representa uma vitória para o governo e demonstrará a efetividade das políticas econômicas ortodoxas implementadas até o momento.

“Estamos trabalhando para transformar a Argentina em uma potencia mundial nos próximos 35 anos”, disse Milei, na entrevista. “Com a primeira parte desta melhora visível nos primeiros 15 anos.”

Sobre o acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI), Milei classificou a “negociação como a mais rápida da história”. Ele ainda falou sobre a viagem para o Fórum Econômico Mundial em Davos, Suíça, na próxima semana. O presidente argentino revelou que recebeu mais de 60 convites para reuniões bilaterais no evento.

Milei posse
Sob gritos de ‘libertad’, Milei se dirige ao público presente do lado de fora da Assembleia | Foto: Reprodução/Twitter/X

Milei também afirmou que a relação comercial com o Brasil segue “madura” e sem qualquer modificação.


Revista Oeste, com informações da Agência Estado

Fonte: R7 – Internacional

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Pesquisar

Últimas Notícias

Categorias