21.6 C
Distrito Federal
sábado, março 2, 2024

Justiça mantém prisão de homem que matou gerente em shopping de João Pessoa

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – O suspeito de atirar e matar a gerente de um restaurante no Mangabeira Shopping, em João Pessoa, teve a prisão em flagrante convertida em preventiva, em audiência de custódia realizada neste sábado (13).

Justiça considerou que há provas da existência do crime. Decisão foi assinada pela juíza Daniere Ferreira de Souza, do Tribunal de Justiça da Paraíba. Audiência foi realizada no Fórum Criminal Ministro Oswaldo Trigueiro de Albuquerque Mello.

Na decisão, juíza escreveu que os indícios são suficientes e argumentou que prisão garante a ordem pública. A funcionária Mayara Valeria Barros, 37, foi baleada enquanto trabalhava na praça de alimentação, na sexta-feira (12).

Luiz Carlos Rodrigues dos Santos deve ser encaminhado ao presídio do Róger, na capital paraibana. O UOL não localizou a defesa do investigado. O espaço segue aberto para manifestação.
Homem diz que matou após não passar em entrevista de emprego

Luiz Carlos teria atirado na mulher após não ser selecionado em entrevista de emprego. Em depoimento à polícia, ele afirmou que se sentiu “discriminado”. Antes de atirar contra a vítima, ele chegou a pedir um prato de comida no restaurante.

Suspeito também fez reféns na praça de alimentação. A negociação foi feita pela PM. Lojas foram evacuadas e os agentes convenceram o homem a se entregar. Os reféns não se feriram. A arma de fogo e as munições que estavam com ele foram apreendidas.

Vítima trabalhava no restaurante havia poucos meses. Em nota, o Mangabeira Shopping lamentou a morte da funcionária e disse que vai prestar apoio à família da vítima.

Luiz Carlos Rodrigues dos Santos, 47, foi preso pela PM.
Shopping ficou fechado após o crime. “Em solidariedade à perda irreparável e em respeito à memória de Mayara, o Mangabeira Shopping permanecerá fechado ao longo desta sexta-feira, retomando as atividades amanhã, a partir das 10h”.

É com grande indignação que informamos o brutal assassinato de Mayara Barros, estimada gerente de um restaurante na Praça de Alimentação do shopping, ocorrido no dia de hoje. Enaltecemos e agradecemos a rápida e eficiente atuação da Polícia Militar, ao lado dos nossos agentes de patrimônio, cuja pronta atuação foi crucial para lidar com esta situação de extrema gravidade, evitando que o episódio tomasse proporções ainda maiores.
Mangabeira Shopping, em nota

Fonte: Notícias ao Minuto Brasil – Justica

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Pesquisar

Últimas Notícias

Categorias