21.6 C
Distrito Federal
sábado, abril 20, 2024

Doação de sangue 2024. Todo doador é sangue bom.

Gata corajosamente salva irmã canina de ataque de coiotes; câmera registra momento

Uma cadela da raça Bichon Havanês, de seis anos de idade, chamada Oakley, teve a sua vida salva por uma gatinha.

A felina de pelagem preta, chamada Binx, corajosamente colocou dois coiotes para correr, salvando assim a vida de sua amiga canina!

É… nem toda heroína usa capa!

A dupla vive com a família em Edmond, Oklahoma, Estados Unidos. Na noite do dia 30 de novembro, a cachorra de porte pequeno foi atacada por coiotes no quintal de casa.

A pet estava brincando no jardim quando, sorrateiramente, os animais selvagens apareceram e a atacaram. Sorte que Binx estava por perto e, sem medo algum, fez com que os grandalhões fugissem dali.

Devido ao ataque, Oakley sofreu ferimentos graves, mas hoje passa bem!

Sem dúvida, essa cachorrinha será eternamente grata à sua irmã felina, né?

Em entrevista ao portal de notícias Newsweek, a tutora dos pets, Lane Dyer, contou que a gatinha é ‘durona’, mais parecida com uma pantera negra do que com um gatinho doméstico.

Um dos prazeres da pet, certamente, não é tirar um cochilo em um lugar recolhido; ela realmente gosta de rondar o pátio da residência, observando tudo o que acontece ao redor.

Além disso, Binx adora brincar com os outros dois cachorros de porte grande da família. Lane acredita que o amor dela por estar com eles é o que a tornou corajosa.

“Quando Binx era bebê, os cachorros a colocavam na boca, a arrastavam e brincavam. Eles faziam todas essas coisas malucas”, disse. “Então ela nunca se sentiu intimidada ou com medo de nenhum animal. Ela apenas é dona de seu domínio.”

A felina, que tinha cerca de dois meses de idade, estava vagando pela vizinhança quando Lane e a família decidiram adotá-la.

Lane revelou que Oakley e Binx têm personalidades diferentes; enquanto uma é destemida, a outra é reservada. Além disso, em relação ao peso, a felina é um pouco maior que Oakley. Ela pesa 4,5 quilos, enquanto o cão pesa 3,5 quilos.

O ataque

O momento do ataque foi filmado pela câmera de segurança externa da casa. Oakley brincava no pátio, enquanto Lane havia se ausentado rapidamente para ir ao banheiro.

Então, um coiote atacou a pet e o segundo se aproximava para fazer o mesmo. Foi aí que surgiu Binx, que saltou em direção aos animais, que coagidos, fugiram.

O ataque foi tão violento que causou ferimentos no peito e na lateral do corpo de Oakley, ao ponto de jorrar sangue.

A chegada de Binx deu tempo para Oakley fugir e pedir socorro à família.

Quando a família chegou com a pet à clínica veterinária, acreditava-se que seria necessário amputar a perna de Oakley, mas no final não foi necessário. Ela fez pontos e precisou usar uma tala.

A ação da felina em salvar a cachorrinha encheu a família de orgulho!

“Ela simplesmente ama Oakley”, disse Dyer. “Foi inspirador ver nossa gatinha ao ar livre pular em dois coiotes que estavam atacando o cachorrinho que ela ama e expulsá-los.”

Confira abaixo o momento.

Binx foi muito corajosa!

Que ela e Oakley tenham muita saúde e anos de vida para viverem juntinhas, desfrutando da companhia uma da outra, sem ameaças.

Veja também o vídeo:

Cuidado com os pets sedutores da internet

Fonte: R7 – RPet

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Pesquisar

Últimas Notícias

Categorias