20.6 C
Distrito Federal
sábado, julho 20, 2024

Em duelo animado, CRB e ABC empatam pela Copa do Nordeste :: ogol.com.br

Em um jogo repleto de reviravoltas, ABC e CRB ficaram no empate em 2 a 2, no Frasqueirão, pela quinta rodada da fase de grupos da Copa do Nordeste. O Galo abriu o placar, levou a virada quando já atuava com um jogador a mais e depois de tanto insistir conseguiu arrancar o empate. 

O empate faz o CRB chegar aos 8 pontos e ficar na quarta colocação do Grupo A da Copa do Nordeste, sem se desgarrar dos concorrentes. Já o ABC tem apenas 4 pontos e é o sexto colocado do Grupo B. 

Jogo aéreo funciona

O começo do jogo no Frasqueirão foi bastante morno, com as duas equipes encontrando dificuldades para ter boas chances de marcar. Mesmo fora de casa, o CRB manteve seu estilo de jogo, com marcação alta e ocupação do campo de ataque. O primeiro bom ataque do jogo só aconteceu aos 23, quando o Galo abriu o placar. No lance, Anselmo Ramón foi centroavante nato e se antecipou no cruzamento para cabecear para a rede. 

O CRB seguiu por mais tempo no ataque, em um jogo que também esteve muito faltoso. Aos 26, voltou a acertar o alvo quando Fábio Alemão cruzou da esquerda e Heron, completamente livre, cabeceou nas mãos do goleiro Carlos Eduardo. O ABC só foi chegar bem no ataque aos 29, quando Erick Varão cruzou para Wallyson, que também cabeceou para defesa do goleiro Matheus Albino. 

O jogo aéreo seguiu como a principal arma das duas equipes no duelo. Aos 31, foi a vez do ABC ferir desse jeito, quando Douglas Skilo cruzou da esquerda e Daniel Cruz mostrou qualidade na cabeçada para empatar. O CRB tentou responder, e aos 37, Léo Pereira pegou uma sobra na esquerda, mas não foi bem na finalização e facilitou para o goleiro. 

A reta final do primeiro tempo foi mais animada. O ABC chegou bem em finalizações de fora da área de Erick Varão, e logo em seguida de Wallyson. Nas duas oportunidades, Matheus Albino apareceu bem para evitar a virada. Só que o time mandante foi para o intervalo com problemas após Sammuel erguer demais a perna em disputa de Falcão e levar o cartão vermelho.

Não faltou emoção

Com um jogador a mais, o CRB voltou para o segundo tempo pressionando e quase conseguiu marcar logo no primeiro minuto, quando após cruzamento da esquerda, Mike ajeitou de cabeça e Anselmo Ramon carimbou o travessão. Só que o futebol é implacável e o ABC que voltou a marcar. Aos 6, em contra-ataque fatal, Ruan tabelou, avançou pela esquerda e serviu Douglas Skilo, que dominou e tocou na saída do goleiro. 

O CRB que já era só ataque, entrou em modo pressão total. Aos 11, Gegê chutou de fora da área e Carlos Eduardo defendeu. No rebote, Mike tentou a finalização, mas a zaga se salvou. Aos 14, após jogada de pé em pé, Willian Formiga recebeu pela esquerda, bateu cruzado e o goleiro do ABC fez boa defesa.

Aos 21, mais uma vez o CRB ficou no quase. No lance, Gegê teve espaço na intermediária, decidiu arriscar e a pancada fez a bola explodir no travessão (mais uma). Só que o tempo foi passando e o ABC sobrevivendo, impedindo inclusive que a pressão do time alagoano se tornasse chances claras. 

A pressão do CRB foi grande e não deu mais para o ABC suportar. Aos 39, após nova jogada pela esquerda, Anselmo Ramon segurou na área, fez o pivô para Caio César, que mostrou muita categoria para finalizar e deixar tudo igual. A busca passou a ser pela virada e o Galo teve boas chances em finalizações de fora da área de Gegê. Aos 48, Anselmon Ramon pegou uma sobra na área, bateu forte e Carlos Eduardo salvou o ABC. Foi mesmo empate. 

Fonte: R7 – Futebol

Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Pesquisar

Últimas Notícias

Categorias