Drenar-GDF-300x250-GIF
Construção civil de alto padrão acredita no crescimento do mercado em 2023
DA DESISTÊNCIA DA AÇÃO DE MANDADO DE SEGURANÇA A QUALQUER TEMPO, RECENTE DECISÃO DO STJ
GDF cria grupo de trabalho para modernizar sistemas de gestão de saúde
Fachin prorroga prazo para plano de proteção de indígenas isolados
Estudo encontra dez novas espécies de leguminosas

Fluminense cede empate ao Cuiabá e perde chance de entrar no G6

O Fluminense saiu na frente e ameaçava fazer uma partida tranquila, mas sofreu o empate por 2 a 2 com o Cuiabá, nesta segunda-feira, na Arena Pantanal. Os gols do Tricolor foram marcados por Luiz Henrique e Raúl Bobadilla, ambos no primeiro tempo. Já os donos da casa descontaram com Jonathan Cafu e Felipe Marques.

O resultado é ruim para ambos. O Flu perde a chance de entrar no G6 e cai para a oitava posição, com 29 pontos. No próximo domingo, às 16h, o time de Marcão recebe o Red Bull Bragantino no Maracanã. Já o Cuiabá vem logo em seguida, em nono, com 28, e visita o Atlético-GO no domingo, às 20h30.

 

O jogo

 

A partida mal começou e o Fluminense já saiu na frente. Aos quatro minutos, Luiz Henrique avançou pela direita e deu um forte e bonito chute de canhota, de fora da área, abrindo o placar. Este foi o terceiro gol em quatro jogos para o jovem criado nas categorias de base do clube carioca. Enquanto o Cuiabá tentava acelerar a partida, o Flu chegou menos, mas ampliou aos 19 minutos, quando Danilo Barcelos achou Bobadilla na área e o atacante cabeceou para o fundo do gol.

No entanto, a vantagem durou pouco. Dois minutos depois, Samuel Xavier tentou cortar na área e atingiu Rafael Elias. O árbitro assinalou o pênalti, o 16º contra o tricolor na temporada, e Jonathan Cafu diminuiu para os donos da casa. No geral, o primeiro tempo foi de poucos lances de emoção, apesar dos três gols, e os donos da casa tiveram dificuldades de criar pois o Tricolor optou por ficar menos com a posse.

O Fluminense ia ampliando o marcador logo no início do segundo tempo, mas teve o lance anulado após análise no VAR. Luiz Henrique serviu Nonato, que chutou no cantinho e marcou. No entanto, em lance questionável, o árbitro viu participação de Caio Paulista, que estava impedido, na jogada. Assim, o lance foi anulado.

No segundo tempo, o Cuiabá foi para cima do Fluminense para tentar buscar pelo menos um ponto, mas encontrou dificuldades para levar perigo real ao gol de Marcos Felipe. Do outro lado, o Tricolor não soube aproveitar os vacilos defensivos e espaços, deixando o jogo aberto. Luiz Henrique, o destaque do jogo, teve grande chance, mas parou em boa defesa de Walter.

O esforço compensou. Aos 30 minutos, o Cuiabá aproveitou um cochilo da defesa do Fluminense e trabalhou a bola até Cabrera, que havia acabado de entrar, cruzar rasteiro no meio para Felipe Marques aparecer livre e deixar tudo igual.

Nos minutos finais, o Flu ficou com a bola e buscou os espaços, mas mal conseguiu ameaçar. Aos 44, Yago Felipe chegou a dar um forte chute de fora da área, mas Walter defendeu. Nos últimos minutos ainda deu tempo de Marllon, do Cuiabá, ser expulso após o que o árbitro considerou agressão a Yago Felipe. No placar, nada mudou.

 

Fluminense e Cuiabá ficaram no empate nesta segunda (20)

Fluminense e Cuiabá ficaram no empate nesta segunda (20) CHICO FERREIRA/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO
Ficha técnica

 

CUIABÁ 2×2 FLUMINENSE

Data e hora: 20 de setembro de 21, 20h (de Brasília)
Estádio: Arena Pantanal, em Cuiabá (MT)
Árbitro: Ramon Abatti Abel (SC)
Assistentes: Henrique Neu Ribeiro (SC) e Éder Alexandre (SC)
VAR: Rodrigo Dalonso Ferreira (Fifa/SC)

Gols: Luiz Henrique (4’/1ºT) (0-1), Bobadilla (19’/1ºT) (0-2), Jonathan Cafu (22’/1ºT) (1-2), Felipe Marques (30’/2ºT) (2-2)
Cartões amarelos: Rafael Elias, Cabrera (CUI), Nonato, Lucca (FLU)
Cartões vermelhos: Marllon (51’/2ºT)

CUIABÁ: Walter; Lucas Ramon (João Lucas – intervalo), Marllon, Paulão, Auremir (Uillian Correia – intervalo) e Uendel; Jonathan Cafú, Camilo (Pepê – intervalo) e Rafael Papagaio (Gustavo Nescau – 22’/2ºT); Rafael Gava (Cabrera – 26’/2ºT) e Felipe Marques. Técnico: Jorginho.

FLUMINENSE: Marcos Felipe, Samuel Xavier, Nino, Luccas Claro e Danilo Barcelos (Marlon – 43’2ºT); Martinelli, Nonato (Cazares – 22’/2ºT) e Yago Felipe; Luiz Henrique (Arias – 32’/2ºT), Caio Paulista (Lucca – 22’/2ºT) e Bobadilla (John Kennedy – 32’/2ºT). Técnico: Marcão.

Empate em campo e vitória na TV: veja 7 destaques do fim de semana

Compartilhe este conteúdo!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *