Atleta patrocinado por empresa de Brasília compete hoje (8) na 4ª edição do Desafio Delta do Parnaíba/Ultra
Petrobras reduz preços da gasolina e do diesel para as distribuidoras
Programa oferece parcelamento para quitar fatura de água em atraso
Saúde abre consulta para incorporar ao SUS vacina pediátrica da Pfizer
Rendimentos do trabalho crescem 2,5% no terceiro trimestre

DF entra em alerta vermelho por baixa umidade

O Distrito Federal, Goiás e áreas próximas entraram em alerta vermelho pela baixa umidade do ar. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o índice chegou a 10% neste domingo (19).

Ontem (18), já foi registrada umidade relativa do ar de 10% na região administrativa do Gama, índice alcançado também às 10h deste domingo na área. Ao meio-dia, a região do Plano Piloto estava com umidade em 12%, a de Águas Emendadas, com 11%, e a de Brazlândia, com 13%.

A temperatura máxima pode chegar a 33°C, e o tempo permanece claro com névoa seca ao longo do dia e da noite na capital federal. Para esta segunda-feira (20), a umidade do ar mínima prevista é de 15%, com temperatura máxima podendo chegar a 35°C.

“Hoje será um dos dias mais secos do ano”, disse a meteorologista do Inmet, Andrea Ramos. A situação deve melhorar um pouco com a chegada da primavera, na quarta-feira (22), e já há previsão de chuvs para o próximo fim de semana. A última chuva foi registrada no DF no dia 31 de agosto.

Segundo Andrea, as precipitações devem entrar na normalidade no final de setembro. Para o mês, a média esperada é 46,6 milímetros de chuvas. Já outubro tende a ser o mês mais chuvoso, com cerca de 160 milímetros de chuvas.

O alerta vermelho, de grande perigo, é dado quando a umidade fica abaixo de 12%. Uma área maior, que abrange toda a região central do país, também está em alerta de perigo, quando a umidade relativa do ar pode variar de 20% a 12%.

As autoridades pedem atenção sobre os riscos à saúde e de incêndios florestais. A orientação é evitar a queima de lixo e ter cuidado ao descarte de bitucas de cigarro, por exemplo, que podem levar à grandes queimadas.

Em caso de focos de incêndio, a população pode entrar em contato direto com o Corpo de Bombeiros, pelo número 193. No Distrito Federal, se houver certeza de que o fogo ocorre em alguma unidade de conservação, o Instituto Brasília Ambiental também pode ser informado, por meio do telefone (61) 99224-7202, que funciona 24 horas.

Para que a população mantenha-se saudável, é preciso ingerir bastante líquido durante o dia, evitar exposição ao sol e atividades físicas nos períodos mais quentes e secos e umidificar os ambientes com bacias de água ou outros dispositivos para amenizar os desconfortos no organismo.

As informações são da Agência Brasil

O post DF entra em alerta vermelho por baixa umidade apareceu primeiro em Jornal de Brasília.

Compartilhe este conteúdo!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *