Estudo mostra descumprimento da Lei de Cotas em empresas paulistas
Anvisa autoriza estudo para nova vacina contra a covid-19
Balança comercial registra superávit de US$ 3,99 bi em setembro
Câmara dos Deputados terá quatro parlamentares indígenas
Pfizer apresenta pedido de vacina mais forte contra variante Ômicron

Bolsonaro comete ato falho e diz que Brasil tem ‘chefe do Executivo que mente’

O presidente Jair Bolsonaro cometeu um ato falho nesta quarta-feira em cerimônia no Palácio do Planalto. Para criticar o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), disse que o Brasil tem um “chefe do Executivo que mente”. No âmbito federal, ele mesmo é o chefe do Executivo.

“Mente o ministro Barroso quando diz que é sigiloso. Mente. Uma vergonha”, disse o presidente sobre o inquérito – vazado por ele – da Polícia Federal que apurava suposta invasão de hackers a sistemas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) durante as eleições de 2018. “Nas Forças Armadas, se um militar mente, acabou a carreira dele. … Não tem prescrição para isso. Temos um chefe do Executivo que mente”, acrescentou, sem perceber seu erro.

O evento em que foi feita a declaração foi chamada de “Ato cívico pela liberdade de expressão”. Nele, o Palácio do Planalto foi transformado pelo governo do presidente Jair Bolsonaro em um palco de ataques ao Supremo, à imprensa e à esquerda por parte de parlamentares da base aliada e do próprio chefe do Executivo. Fonte: Notícias ao Minuto Brasil – Politica

Compartilhe este conteúdo!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.