Brasil ultrapassa 5 milhões de doses bivalentes aplicadas na população; ainda não tomou? confira quem deve se vacinar
Marco Legal dos Games pode finalmente ser votado no Senado
Audiência Pública vai debater a regulamentação da lei que incentiva o esporte amador no DF
Caixa registra lucro de R$ 9,2 bilhões em 2022
No mês que homenageia as mulheres, o Centro Cultural Banco do Brasil Brasília recebe mostra de filmes produzidos exclusivamente por mulheres árabes

Benítez tem dez jogos para convencer o São Paulo a mantê-lo no elenco

Lance

Lance Lance

O meia Martín Benítez vive expectativa de iniciar uma sequência importante para sua sequência no São Paulo. Atualmente emprestado ao Tricolor pelo Independiente, da Argentina, o jogador tem somente dez jogos restantes na temporada para fazer o clube decidir contratá-lo em definitivo ou negociar uma extensão do empréstimo.

CONFIRA A TABELA ATUALIZADA E SIMULE OS JOGOS DO BRASILEIRÃO DE 2021!

Com Hernán Crespo, o meia não vinha recebendo muitas oportunidades e sofreu muito com problemas físicos ao longo da temporada, que justificam sua ausência em muitas ocasiões.

Com a chegada de Rogério Ceni, Benítez pareceu que retornaria ao time titular de forma definitiva, iniciando as partidas contra o Ceará e contra o Corinthians. O argentino, porém, voltou ao banco de reservas no jogo diante do Red Bull Bragantino, perdendo a vaga para Rodrigo Nestor.

A situação pode ganhar nova reviravolta neste fim de semana. Com dores no tornozelo, Nestor virou dúvida e deve ficar de fora do confronto contra o Internacional, no Morumbi. Assim, Benítez deve voltar à escalação titular.

O camisa 8, porém, precisa convencer não apenas o treinador como a diretoria de que merece permanecer no elenco caso queira seguir no São Paulo para a próxima temporada.

Em seu atual contrato de empréstimo, o Tricolor pode desembolsar uma quantia de cerca de R$ 16 milhões para contratar o meia de maneira direita, sem precisar negociar. O diretor de futebol, Carlos Belmonte, pretende estender o empréstimo de Benítez.

O argentino viveu grande início de trajetória no São Paulo, conquistando o título do Campeonato Paulista e sendo eleito o melhor jogador do torneio. Depois, porém, lesões limitaram suas atuações e o atleta jogou abaixo do esperado, além de ter ficado no banco de reservas na eliminação para o Palmeiras, na Libertadores.

Antes da saída de Hernán Crespo, o empresário de Benítez chegou a se envolver em polêmica com o treinador, reclamando da baixa quantidade de partidas em que o meia foi utilizado e afirmou que o jogador deixaria a equipe caso Crespo não o escalasse, desmentindo, ainda, informações sobre seu físico.

No total, foram 34 partidas disputadas, com apenas três gols marcados e cinco assistências dadas pelo meia. Três das cinco assistências foram dadas no Paulistão, enquanto as outras duas foram feitas em partidas da Libertadores e da Copa do Brasil. O meia não deu nenhuma assistência no Campeonato Brasileiro. Além disso, o meia marcou um gol na competição nacional, onde entrou em campo 16 vezes.

Com apenas dez partidas pela frente no Brasileirão, Benítez tem apenas dez partidas restantes para convencer de vez o torcedor e o clube de que merece permanecer na equipe.

Fonte: R7 – Esportes

Compartilhe este conteúdo!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *