Campanha de vacinação contra a pólio termina nesta sexta-feira
Mercado financeiro reduz projeção da inflação de 6% para 5,88%
Ninguém acerta as seis dezenas e Mega-Sena acumula em RS 200 milhões
Fuvest prorroga inscrições do vestibular
BC estabelece limite de cobrança de taxas nas máquinas de cartão

Assim como no bi da Libertadores, Palmeiras repete 100% no 1º turno

Elenco do Palmeiras homenageia o volante Jailson na comemoração do gol contra o Emelec

Elenco do Palmeiras homenageia o volante Jailson na comemoração do gol contra o Emelec CESAR GRECO/SITE OFICIAL DO PALMEIRAS

​Com a vitória sobre o Emelec, na noite de quarta-feira (27), no Equador, o Palmeiras repete os anos de 2021 e 2020 e fecha o primeiro turno da fase de grupos da Libertadores com 100% de aproveitamento. Nos dois últimos anos, o Verdão ganhou o bicampeonato consecutivo do torneio sul-americano.

Essa é a sétima participação seguida do Palmeiras no principal torneio do continente. No primeiro ano desta sequência, em 2016, acabou caindo na fase de grupos numa chave que tinha River Plate (Uruguai), Rosário Central (Argentina) e Nacional (Uruguai).

 

 

 

 

 

 

 

 

Nesta temporada, o Verdão estreou vencendo o Deportivo Táchira (Venezuela), fora de casa, por 4 a 0, e garantiu a maior goleada de sua história na Libertadores, aplicando um 8 a 1 no Allianz Parque, contra o Independiente Petrolero (Bolívia).

Se o Palmeiras conseguir vencer os três adversários no returno da competição, terminará pela primeira vez com 100% de aproveitamento nessa fase. Se garantir isso, será apenas o terceiro brasileiro a conseguir o feito e o quinto em toda a história da Libertadores desde 1960.

Veja os times que conseguiram 100% na fase de grupos da Libertadores (1960-2022):

Boca Juniors (Argentina) (2015)
19 gols marcados e dois sofridos

Santos (2007)
12 gols marcados e um sofrido

Vasco (2001)
16 gols marcados e cinco sofridos

*Olímpia (Paraguai) (1986)
5 gols marcados e dois sofridos

*Peñarol (Uruguai) (1972)
12 gols marcados e três sofridos

*Boca Juniors e *Santos (1965)
Boca com 11 gols marcados e três sofridos; Peixe com 10 marcados e três sofridos

*Peñarol (1963)
14 gols marcados e um sofrido

(*) A Libertadores não era disputada no formato atual de oito grupos com quatro times cada

Liverpool vence o Villarreal por 2 a 0 e fica perto da final da Champions

 

Fonte: R7 – Esportes

Compartilhe este conteúdo!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.