Drenar-GDF-300x250-GIF
Construção civil de alto padrão acredita no crescimento do mercado em 2023
DA DESISTÊNCIA DA AÇÃO DE MANDADO DE SEGURANÇA A QUALQUER TEMPO, RECENTE DECISÃO DO STJ
GDF cria grupo de trabalho para modernizar sistemas de gestão de saúde
Fachin prorroga prazo para plano de proteção de indígenas isolados
Estudo encontra dez novas espécies de leguminosas

Vasco aumenta chance de acesso após vitória; veja probabilidades

Lance

Lance Lance

Antes da chegada de Fernando Diniz, o Vasco atingiu a marca de apenas 3% de chance de voltar à elite do futebol brasileiro. Contudo, com duas vitórias seguidas, o time tem, atualmente, 9,2% , de acordo com o Departamento de Matemática da UGMG. A diferença para o quarto colocado, Avaí, é de seis pontos, restando onze rodada para o fim da Série B.

Na próxima rodada, o Gigante da Colina terá pela frente o penúltimo colocado, Confiança (SE), domingo, às 18h15, no Estádio Lourival Batista. Em caso de mais um triunfo, o time terá que torcer para os tropeços de Avaí e CRB. Os alagoanos entram em campo neste sábado, às 18h30, no clássico diante do CSA.

O Leão da Ilha, por sua vez, encara o Botafogo, no Nilton Santos, também neste sábado, às 19h, Portanto, o Vasco pode diminuir ainda mais a diferença para o G4. O Goiás tenta voltar a vencer depois de três derrotas seguidas ao enfrentar o Vitórias, às 16h, na Serrinha.

Por fim, o líder Coritiba visita o Remo, no Baenão, na segunda-feira, às 20h depois de ter apenas empatado com o Confiança (SE), no Couto Pereira. O Guarani também jogará fora de casa, no Augusto Bauer, contra o Brusque, às 16h, neste sábado.

Restando onze rodadas, oito vitórias são essenciais para garantir o acesso e retornar à elite do futebol brasileiro. Com mais sete triunfos, vai depender da nota de corte desta edição da Série B. Na temporada passada, o quarto colocado Cuiabá subiu com 61. No ano anterior, o Atlético-GO garantiu a vaga com 62 pontos. Confira essas notas de corte aqui.

Confira as chances de subir de cada clube da Série B do Brasileirão

1º – Coritiba – 97.0%
2º – Botafogo – 83.9%
3º – Avaí – 64.2%
4º – CRB – 58.7%
5º – Goiás – 46.9%
6º – CSA – 18.5%
7º – Guarani -16.1%
8º – Vasco da Gama – 9.2%
9º – Remo – 2.5%
10º – Sampaio Corrêa – 1.6%
11º – Náutico – 0.51%
12º – Operário – 0.34%
13º – Ponte Preta – 0.32%
14º – Vila Nova (GO) – 0.20%
15º – Cruzeiro – 0.050%
16º – Brusque – 0.009%
17º – Londrina – 0.002%
18º – Brasil de Pelotas – 0.000%
18º – Confiança (SE) – 0.000%
18º – Vitória – 0.000%

* Números baseados nos estudos do departamento de matemática da UFMG.

Compartilhe este conteúdo!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *