Economia Vendas do comércio crescem 0,4% de setembro para outubro, diz IBGE
Sonho de Copa: filha usa camisa autografada do Brasil pentacampeão em 2002 para ajudar a mãe se reerguer
POPHAUS: O MAIOR PARQUE DE INFLÁVEIS DA AMÉRICA LATINA CHEGA A BRASÍLIA
Safra de grãos 2022/23 é estimada em 312,2 milhões de toneladas
Atleta patrocinado por empresa de Brasília compete hoje (8) na 4ª edição do Desafio Delta do Parnaíba/Ultra

Vampeta crava que Gabigol só está na Seleção por pressão: ‘Tite falou que é o pior com quem trabalhou’

Lance

Lance Lance

De acordo com o ex-Corinthians e Seleção Brasileira Vampeta, o técnico do Brasil, Tite, convoca o atacante do Flamengo Gabigol apenas por “pressão popular”, mas, na realidade, o comandante não mantém carinho pelo centroavante. Vampeta afirmou, no programa “Canelada FC”, nesta sexta-feira, que Tite não teria gostado da atitude de Gabi quando selecionado.

+ Tenha a tabela de jogos e a classificação do Brasileiro na palma da sua mão

– Eu tenho absoluta certeza porque sou do meio da bola, sei dos bastidores. O Gabigol só é convocado pelo Tite por causa da opinião pública. Pelo Tite, o Gabriel ficava bem longe da Seleção Brasileira – disparou Vampeta, na rádio Jovem Pan. E seguiu:

– A informação é certeira: O Tite falou que ele é pior jogador com quem já trabalhou como pessoa. O Tite falou isso para a minha fonte – encerrou ele. Gabigol ganhou mais espaço na última convocação já que Gabriel Jesus, do Manchester City, e Roberto Firmino, do Liverpool, foram barrados por atuarem na Inglaterra.

Na ocasião, o jornalista Mauro Cezar Pereira chegou a criticar Tite pela maneira em que ele utiliza o artilheiro do Flamengo na Seleção. Nos últimos dois jogos em que o Brasil esteve em campo pela Eliminatórias da Copa do Mundo 2022, Gabigol não marcou nenhum gol e chegou a chamar a atenção dos torcedores pela seca de bolas na rede. Gabi foi reserva durante a Copa América.

Compartilhe este conteúdo!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *