Drenar-GDF-300x250-GIF
Programa oferece até R$ 21 mil de crédito para empreendedores negros
Governo lança programa para reduzir filas no sistema de saúde
UNE quer construir agenda com reivindicações ao governo federal
Anvisa fará webinar sobre novas regras de reprodução humana assistida
Mercado financeiro eleva projeção da inflação de 5,74% para 5,78%

STF nega novo pedido de liberdade de Jairinho

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) – O STF (Supremo Tribunal Federal) negou o pedido de liberdade de Jairinho, acusado do assassinato do menino Henry Borel, no Rio de Janeiro.

O pedido era para que a Suprema Corte estendesse o efeito da decisão do STJ (Superior Tribunal de Justiça) que revogou prisão preventiva e concedeu liberdade a Monique Medeiros.

O habeas corpus foi negado pelo ministro Gilmar Mendes na segunda-feira (23).

Ao negar o pedido da defesa de Jairinho, o ministro do STF disse que pedidos de extensão não são legítimos em duas situações: quando o autor do pedido não participar da mesma ação proposta que beneficiou outra pessoa; quando o pedido é feito em um processo que ainda não foi objeto de análise pela Corte.

Para Gilmar, a situação de Monique também difere em relação à de Jairinho. Na avaliação dele, a mãe de Henry não é acusada de cometer o homicídio do filho, mas de crime omissivo.

“Embora podendo, teria deixado de agir para evitar as agressões ao filho menor e o consequente resultado morte”, disse o ministro.

Por isso, Gilmar concordou com o entendimento do STJ.
Em fevereiro do ano passado, o ministro do STF já havia negado um pedido de liberdade a Jairinho.

Fonte: Notícias ao Minuto Brasil – Justiça

Compartilhe este conteúdo!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *