Drenar-GDF-300x250-GIF
Programa oferece até R$ 21 mil de crédito para empreendedores negros
Governo lança programa para reduzir filas no sistema de saúde
UNE quer construir agenda com reivindicações ao governo federal
Anvisa fará webinar sobre novas regras de reprodução humana assistida
Mercado financeiro eleva projeção da inflação de 5,74% para 5,78%

SP dobra número de cidades beneficiadas com recursos para Santas Casas

Governo anunciou destinação de recursos nesta quinta-feira (30)

Governo anunciou destinação de recursos nesta quinta-feira (30) Reprodução/Record TV

O Governo do Estado de São Paulo anunciou nesta quinta-feira (30) que vai dobrar a quantidade de municípios beneficiados com a destinação de recursos a Santas Casas e hospitais filantrópicos. Em vez de 122, o número de cidades atendidas passará a ser de 256.

A expansão será implementada já a partir do início do mês de outubro e faz parte do programa Mais Santas Casas, lançado em evento realizado nesta quinta.

O governo paulista informou que o projeto terá investimento anual de R$ 1,2 bilhão, o que representa um salto de cerca de R$ 240 milhões em relação ao valor investido até agora, que é de R$ 960 milhões.

“Os recursos vieram do orçamento do Governo do Estado de São Paulo, orçamento esse que foi viabilizado pela reforma administrativa que nós fizemos”, disse o governador João Doria, reforçando a importância do projeto.

“Nós pedimos para as pessoas ‘fiquem em casa’ enquanto nós preparamos a Saúde (para combater a Covid). Elas ficaram. Hoje nós temos a obrigação de atendê-las”, afirmou o secretário da Saúde do Estado de São Paulo, Jean Gorinchteyn.

Segundo ele, os programas que existiam até agora, como Pro Santa Casa, Santa Casa Nacional e Santa Casa Sustentável, conseguiam destinar recursos a 130 de hospitais de 122 municípios. “Muitas Santas Casas recebiam um valor baixo, que respeitava o teto daquilo que era dado por recursos federais”, explicou.

Com o Mais Santas Casas, o total de hospitais beneficiados passará a ser de 333, atingindo um total de 256 das 645 cidades do Estado e ampliando o atendimento médico. Para determinar os investimentos, foram estabelecidos critérios voltados às características dos hospitais, explicou o secretário da Saúde.

Participaram do lançamento mais de 130 prefeitos do Estado e mais de 40 parlamentares. Estiveram presentes também o vice-governador, Rodrigo Garcia, o secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, e a primeira-dama Bia Doria.

Energia fotovoltaica em Santas Casas

Durante o evento, o governador João Doria anunciou ainda que a gestão estadual viabilizou R$ 300 milhões adicionais para financiar sistemas fotovoltaicos em Santas Casas do Estado.

“Isso significa uma economia de até 90% na conta de luz e um comportamento adequado, ambientalmente responsável”, disse o governador, explicando que a medida também terá implementação imediata.

Compartilhe este conteúdo!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *