Drenar-GDF-300x250-GIF
Paraíba será o primeiro estado a pagar o piso nacional da enfermagem
Reservatórios do Túnel de Taguatinga estão concretados
Entidades do setor produtivo fazem ressalva a juros altos
Mortalidade prematura por câncer no Brasil deve cair até 2030
Prato Cheio libera mais de R$ 21,2 milhões em parcela de fevereiro

Renato Augusto elogia Sylvinho: ‘Pode ser um dos maiores do Brasil’

Sylvinho está com moral com seus comandados no Corinthians

Sylvinho está com moral com seus comandados no Corinthians Lance

Ainda no início de sua carreira como técnico, Sylvinho enfrentou períodos complicados no início de sua passagem pelo Corinthians e ficou sob intensa pressão no seu cargo antes do Dérbi contra o Palmeiras. Porém, conseguiu triunfar no clássico, se segurou no cargo e depois completou uma sequência de dez jogos de invencibilidade na equipe alvinegra.

Com o seu time reforçado com nomes de peso e agora exibindo um bom futebol, Sylvinho recebeu uma série de elogios de Renato Augusto na entrevista coletiva que o meio-campista concedeu nesta quinta-feira (7), no CT Joaquim Grava, onde o grupo corintiano fez o último treino antes de viajar para Recife. No sábado, às 16h30, na Arena Pernambuco, o Timão encara o Sport pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O meia de 33 anos lembrou da trajetória vitoriosa do técnico como jogador de grandes clubes e também do papel que o mesmo desempenhou como auxiliar de Tite na seleção brasileira, na qual Renato esteve junto com o comandante na Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

“Sylvinho é um cara de altíssimo nível, jogou em Barcelona, Manchester City, Arsenal, é um cara que entende muito de futebol, estudou bastante, trabalhou bastante com o Tite, que é, talvez, o maior treinador com quem eu trabalhei. Ele tem total confiança nossa, dá abertura para nós, sempre me deu abertura, entende o que é o Corinthians”, ressaltou Renato Augusto.

Em seguida, o jogador exaltou o importante trabalho que o técnico vem conseguindo realizar no campo psicológico, que foi fundamental para o grupo ter a confiança necessária para vencer o Palmeiras por 2 a 1 no clássico que fortaleceu o treinador no comando do Corinthians. Depois disso, o time ainda conseguiu buscar um heroico empate por 2 a 2 com o Bragantino, fora de casa, e derrotou o Bahia por 3 a 1, de virada, na Neo Química Arena, nos últimos duelos pelo Brasileirão.

“Ele nos ajudou bastante quanto a isso, na parte emocional. Pode vir a ser um dos maiores treinadores aqui no Brasil em pouco tempo. Estuda bastante, entende do jogo, claro que vão ter erros e acertos, e temos de ter compreensão com isso, como temos com um companheiro que erra um passe, um chute. E o mais importante é que ele tenta o melhor para o grupo. Tem total confiança nossa e acho que estamos no caminho certo”, completou o meia.

Com um retrospecto de cinco vitórias e cinco empates nas últimas dez partidas, o Corinthians entrou na briga direta pela vice-liderança do Brasileirão. Figura hoje na quinta posição da tabela, com 37 pontos, apenas dois atrás de Flamengo, Palmeiras e Fortaleza, que estão empatados com 39 e só estão atrás do Atlético-MG, líder disparado, com 50 pontos.

Magia do futebol brasileiro: Vini Jr e Neymar lideram lista de dribladores

Fonte: R7 – Esportes

Compartilhe este conteúdo!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *