Drenar-GDF-300x250-GIF
Paraíba será o primeiro estado a pagar o piso nacional da enfermagem
Reservatórios do Túnel de Taguatinga estão concretados
Entidades do setor produtivo fazem ressalva a juros altos
Mortalidade prematura por câncer no Brasil deve cair até 2030
Prato Cheio libera mais de R$ 21,2 milhões em parcela de fevereiro

Reino Unido tira viajantes do Brasil de quarentena obrigatória

Reino Unido deve manter medidas mais rígidas para apenas nove países

Reino Unido deve manter medidas mais rígidas para apenas nove países Toby Melville/Reuters – 30.12.2019

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, vai flexibilizar para mais países as viagens com destino ao Reino Unido, tirando a necessidade de fazer quarentenas, e anunciará a medida ainda nesta semana, informou o The Sunday Telegraph, acrescentando que a “lista vermelha” será reduzida de 54 países para nove.

Viajantes totalmente vacinados do Brasil e de outros países incluindo África do Sul, México e Indonésia não terão mais que ficar em quarentena em hotéis designados pelo governo por dez dias quando chegarem à Inglaterra a partir do fim de outubro, disse o jornal.

As mudanças devem ser anunciadas na quinta-feira (7) e provavelmente resultarão em uma onda de reservas nos hotéis, ajudando as companhias aéreas e de viagens que ficaram seriamente comprometidas durante a pandemia.

A política de quarentena de hotéis para países de alto risco custa 2.285 libras (aproximadamente R$ 17 mil) por adulto.

A Grã-Bretanha já planejava relaxar suas regras de viagem a partir de 4 de outubro, descartando a lista para destinos de risco médio e não mais exigindo que os passageiros totalmente vacinados façam teste de Covid-19 antes de chegar ao país vindos de lugares que não estão na lista vermelha.

O governo informou que, a partir do fim de outubro, quem chegar à Inglaterra não precisará mais fazer o teste de PCR dois dias após a chegada e poderá optar por outro teste mais barato.

Compartilhe este conteúdo!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *