CLDF debate soluções para superendividamento de servidores junto ao BRB
Câmara Legislativa debate a política de educação inclusiva no DF
TSE capacita influenciadores digitais para ajudar a combater fake news
México passará a exigir visto impresso no passaporte de brasileiros
Indicador antecedente de emprego cai após três altas

Porto atropela o Benfica e pressiona ainda mais Jorge Jesus

Porto não deu chance ao Benfica de Jorge Jesus

Porto não deu chance ao Benfica de Jorge Jesus Lance

Atropelo portuense no Estádio do Dragão. Pelas oitavas de final da Taça de Portugal , o Porto recebeu o grande rival Benfica nesta quinta-feira e venceu o time da capital por 3 a 0 para garantir a classificação para a próxima fase do torneio. Evanilson (duas vezes) e Vitinha fizeram os jogos da equipe de Sérgio Conceição sobre os comandados de Jorge Jesus.

ATROPELO NO INÍCIO
Jogando em casa, o Porto teve o início dos sonhos contra o grande rival. Com menos de um minuto, o atacante Evanilson, ex-Fluminense, pegou sobra na área e abriu o marcador. Aos seis, Vitinha, em mais um rebote, bateu por cima de Helton Leite e ampliou no Estádio do Dragão.

VAR EM AÇÃO
Desesperado depois de ver o Porto abrir 2 a 0, o Benfica não tinha outra alternativa que não fosse se lançar ao ataque. E as Águias chegaram a marcar, com Darwin Núñez, que recebeu lindo lançamento pelo alto, mas o gol foi anulado pelo VAR. O camisa 9 estava em posição irregular em lance ajustado. No segundo tempo, o Benfica teve mais um gol anulado, desta vez de Otamendi. O VAR pegou impedimento antes de cruzamento para o argentino. Nos acréscimos, o Porto fez o quarto, mas também em posição irregular.

MAIS UM
Se o Benfica não diminuiu o placar, o Porto ampliou a vantagem. Aos 30 minutos, Luis Díaz recebeu passe, invadiu a área, limpou André Almeida e tocou para Evanilson. O brasileiro dominou e encheu o pé para fazer o gol do Porto. Os Dragões ainda quase fizeram o quarto, mas não aproveitaram a chance.

EXPULSÕES
O jogo continuou movimentado até o apito final do árbitro no primeiro tempo. Principal nomes dos 45 minutos iniciais, o atacante Evanilson fez falta em João Mário nos acréscimos, levou o segundo cartão amarelo e foi para o chuveiro mais cedo. O primeiro cartão foi por reclamação. Nos acréscimos do segundo tempo, Otamendi levou vermelho no Benfica.

TREINADORES SUSPENSOS
Sérgio Conceição e João de Deus, respectivos treinadores de Porto e Benfica, não estiveram à beira do campo no Estádio do Dragão. Com ambos suspensos pelo Conselho de Disciplina da Federação de Futebol (FPF), os técnicos assistiram ao jogo de um camarote. Eles foram substituídos por Vítor Bruno e João de Deus.

PRESSÃO EM JJ
​A situação de Jorge Jesus, que já era complicada, ficou ainda pior depois da derrota. Muito pressionado pelos torcedores, o Mister corre o risco de ser demitido. Nos últimos dias, o comandante do Benfica esteve reunido com Marcos Braz e Bruno Spindel, dirigentes do Flamnengo, que tentam sua volta ao clube carioca.

RUBRO-NEGROS NO DRAGÃO
​A viagem de Marcos Braz e Bruno Spindel à terra lusitana não se restringiu apenas a conversas por treinadores. A dupla que comanda o futebol do Flamengo esteve presente no Estádio do Dragão acompanhando a partida, que pode influenciar na temporada rubro-negra para 2022.

Marcos Braz e Bruno Spindel no Estádio do Dragão assistindo Porto x Benfica

Marcos Braz e Bruno Spindel no Estádio do Dragão assistindo Porto x Benfica Lance

Spindel e Braz ficaram em camarote do Estádio do Dragão (Foto: Reprodução)

SEQUÊNCIA
​Classificado para as quartas de final da Taça de Portugal, o Porto dará sequência à competição no mês de janeiro. No fim de semana, tanto os Dragões, assim como o Benfica, terão um descanso por conta do Natal, mas as equipes voltam a se enfrentar na próxima quinta-feira (30), pelo Campeonato Português, mais uma vez no Estádio do Dragão.

Fonte: R7 – Esportes

Compartilhe este conteúdo!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.