Economia Vendas do comércio crescem 0,4% de setembro para outubro, diz IBGE
Sonho de Copa: filha usa camisa autografada do Brasil pentacampeão em 2002 para ajudar a mãe se reerguer
POPHAUS: O MAIOR PARQUE DE INFLÁVEIS DA AMÉRICA LATINA CHEGA A BRASÍLIA
Safra de grãos 2022/23 é estimada em 312,2 milhões de toneladas
Atleta patrocinado por empresa de Brasília compete hoje (8) na 4ª edição do Desafio Delta do Parnaíba/Ultra

Menino arremessado de van recebe alta e volta para casa

Acidente ocorreu em 6 de outubro, no Riacho Fundo (Distrito Federal)

Acidente ocorreu em 6 de outubro, no Riacho Fundo (Distrito Federal) Arquivo Pessoal

Depois de dez dias no hospital e de duas cirurgias, o menino Rhyan Lucca, 5 anos, que caiu de uma van escolar e foi atropelado pelo veículo no Riacho Fundo, no Distrito Federal, recebeu alta do Hospital da Criança e voltou para casa neste sábado (16).

A mãe de Rhyan, Phyama Ohanna, divulgou a notícia nas redes sociais. “Obrigado, Senhor, pelo livramento. Agora, só meu guerreiro se recuperar e voltar tudo como era antes”, escreveu. 

Ao R7, Phyama disse estar mais aliviada com o quadro de saúde do menino. “Quando nosso filho recebe alta é porque está melhor.” Os dois já estão em casa, mas Rhyan terá que ficar de repouso. “Ele continua com algumas limitações: sentar e andar. Então, ele vai ter que ficar deitadinho até a próxima consulta.” A reavaliação está marcada para sexta-feira (22). 

A sonda também não foi retirada e a previsão é que a criança fique com o acesso até, pelo menos, o fim do mês. “Agora é só aguardar a recuperação do meu filho, que, graças a Deus, está bem melhor e, segundo o médico, não deve ficar com sequelas. Agora, é voltar para a rotina aos poucos, até poder andar de skate de novo, que ele gosta”, disse a mãe. 

O menino foi atropelado pela van escolar em 6 de outubro. O acidente ocorreu no Riacho Fundo depois que a porta do veículo se abriu e ele caiu no asfalto. As rodas traseiras do carro passaram por cima da criança. A dona da van prestou socorro e esperou a chegada do Corpo de Bombeiros e do pai do garoto ao local.

Complicações
Rhyan fraturou a bacia, teve um rompimento na bexiga e um trauma no abdômem. Ele foi atendido primeiramente no Hospital de Base. Passou por cirurgia e precisou de transfusão de sangue. Depois disso, foi transferido para o Hospital da Criança e teve de passar por nova cirurgia para recuperar a bexiga. 

Fonte: R7 – Brasília

Compartilhe este conteúdo!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *