Drenar-GDF-300x250-GIF
Programa oferece até R$ 21 mil de crédito para empreendedores negros
Governo lança programa para reduzir filas no sistema de saúde
UNE quer construir agenda com reivindicações ao governo federal
Anvisa fará webinar sobre novas regras de reprodução humana assistida
Mercado financeiro eleva projeção da inflação de 5,74% para 5,78%

Economia Vendas do comércio crescem 0,4% de setembro para outubro, diz IBGE

O volume de vendas do comércio varejista teve alta de 0,4% na passagem de setembro para outubro deste ano. Segundo dados da Pesquisa Mensal do Comércio (PMC), divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), esta é a terceira alta consecutiva do indicador.

O varejo teve altas também de 0,6% na média móvel trimestral, de 2,7% na comparação com outubro do ano passado, de 1% no acumulado do ano e de 0,1% no acumulado de 12 meses.

Na passagem de setembro para outubro, cinco das oito atividades pesquisadas apresentaram crescimento no volume de vendas: móveis e eletrodomésticos (2,5%), equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (2%), outros artigos de uso pessoal e doméstico (2%), combustíveis e lubrificantes (0,4%) e hiper, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (0,2%).

As outras três atividades tiveram queda nas vendas: artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos e de perfumaria (-0,4%), tecidos, vestuário e calçados (-3,4%) e livros, jornais, revistas e papelaria (-3,8%).

A receita nominal teve crescimento de 0,2% na comparação com setembro deste ano, de 12,2% em relação a outubro de 2021, de 15,1% no acumulado do ano e de 13,9% no acumulado de 12 meses.

Varejo ampliado

O varejo ampliado, que também analisa as vendas de materiais de construção e de veículos e peças, cresceu 0,5% em outubro, na comparação com o mês anterior. As duas atividades tiveram queda: veículos e motos, partes e peças (-1,7%) e material de construção (-3,5%).

O comércio varejista ampliado teve alta de 0,3% na comparação com outubro de 2021, mas apresentou quedas de 0,5% no acumulado do ano e de 1% no acumulado de 12 meses.

A receita nominal do varejo ampliado teve altas de 0,6% na comparação com setembro deste ano, de 10,1% em relação a outubro de 2021, de 13,6% no acumulado do ano e de 13,1% no acumulado de 12 meses.

*Fonte: Agência Brasil

Compartilhe este conteúdo!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *