Drenar-GDF-300x250-GIF
Paraíba será o primeiro estado a pagar o piso nacional da enfermagem
Reservatórios do Túnel de Taguatinga estão concretados
Entidades do setor produtivo fazem ressalva a juros altos
Mortalidade prematura por câncer no Brasil deve cair até 2030
Prato Cheio libera mais de R$ 21,2 milhões em parcela de fevereiro

Diretor Denis Villeneuve espera conquistar novos fãs com ‘Duna’

'Foi de longe a coisa mais desafiadora que já fiz na vida', disse o cineasta

‘Foi de longe a coisa mais desafiadora que já fiz na vida’, disse o cineasta Divulgação/Warner Bros

Denis Villeneuve espera conquistar fãs de Duna, romance épico de ficção científica de 1965 de autoria de Frank Herbert, e apresentá-lo a novos admiradores com sua adaptação cinematográfica grandiosa, a produção mais ambiciosa da carreira do diretor canadense.

Timothée Chalamet e Zendaya estrelam o filme muito aguardado, que chega aos cinemas no final deste mês e veem na esteira de tentativas anteriores de levar o livro de quase 700 páginas à telona.

Transcorrida em um futuro no qual famílias de nobres dominam feudos planetários, a história acompanha Paul Atreides (Chalamet), cujo pai assume a administração do planeta Arrakis, conhecido como Duna por seu povo nativo Fremen e disputado devido à especiaria, uma commodity única encontrada em seu deserto inóspito.

“Foi de longe a coisa mais desafiadora que já fiz na vida”, disse Villeneuve, conhecido por Blade Runner 2049, A Chegada e Sicario: Terra de Ninguém, à Reuters.

“Tive que encontrar um equilíbrio entre as pessoas que leram o livro… queria que elas realmente sentissem que é uma homenagem profunda ao espírito do livro. Ao mesmo tempo, queria que as pessoas que não sabem nada do livro se sintam bem-vindas no mundo, não deixadas de lado”.

O filme de duas horas e meia, descrito como a parte um da história, é o maior projeto de Chalamet até hoje, algo que ele disse tê-lo ajudado a se identificar com Paul no tocante à superação dos medos.

“Às vezes as coisas que você está sentindo no set podem entrar no arco ou na progressão natural de uma história”, disse ele.

Villeneuve disse que é muito cedo para falar sobre a segunda parte, mas Zendaya espera que sua personagem Chani, que aparece nas visões de Paul, seja mais explorada.

“Qualquer pessoa que esteja familiarizada com os livros (sabe) que há muito em que mergulhar e muito ainda está por vir”, disse ela.

Fonte: R7 – Pop

Compartilhe este conteúdo!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *