Drenar-GDF-300x250-GIF
Paraíba será o primeiro estado a pagar o piso nacional da enfermagem
Reservatórios do Túnel de Taguatinga estão concretados
Entidades do setor produtivo fazem ressalva a juros altos
Mortalidade prematura por câncer no Brasil deve cair até 2030
Prato Cheio libera mais de R$ 21,2 milhões em parcela de fevereiro

Criança arremessada de van é transferida para UTI em Brasília  

Estado de saúde do menino de seis anos é estável, mas preocupa médicos. Ele fez cirurgia na bacia

Estado de saúde do menino de seis anos é estável, mas preocupa médicos. Ele fez cirurgia na bacia reprodução

O menino de seis anos que foi arremessado de dentro de uma van escolar no Riacho Fundo II (DF) na última quarta-feira (6) foi transferido do Hospital de Base para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Materno Infantil de Brasília (HMIB), ambos na capital federal. 

A transferência aconteceu na noite desta sexta-feira (8). 

Devido aos ferimentos, ele precisou passar por uma cirurgia na bacia, fraturada. Agora, a preocupação dos médicos é em relação à bexiga. Segundo a mãe do menino, Phyama Ohanna, Rhyan vai passar por uma nova operação depois que sofreu uma perfuração na uretra.  Como perdeu muito sangue, o menino também vai precisar de uma transfusão de sangue.  

“O estado de saúde dele é estável, porém preocupante”, disse Phyama Ohanna, que acompanha o filho no hospital.

Na tarde da última quarta-feira (6), câmeras flagraram o momento em que o menino foi arremessado de uma van escolar no Riacho Fundo II. As imagens mostram o menino em pé, na hora em que a porta se abre. A Polícia Civil investiga o caso.

As versões do acidente são conflitantes. A família e testemunhas sustentam que o veículo trafegava com 30 crianças, algumas sem cinto, e que o monitor estava no banco da frente, ao invés de controlar a porta da van. Já o Sindicato dos Transportes Escolares alega que o profissional estava no banco de trás monitorando as crianças, e que o menino teria se soltado do cinto sem que o profissional notasse.

Fonte: R7 – Brasília

Compartilhe este conteúdo!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *