Petrobras: preço do querosene de aviação cai 0,84% a partir de sábado
Drones ajudarão na fiscalização contra crimes eleitorais no DF
Taxa média de juros cai em agosto, mas segue tendência de alta
Dia Mundial do Coração
Distrito Federal suspende aulas na próxima sexta-feira

Crespo afirma que não demorou para mexer na equipe e fala sobre físico de Calleri: ’15 minutos está bem’

Lance

Lance Lance

O São Paulo empatou em 0 a 0 com o América-MG, no Morumbi, nesta quarta-feira (22). Em uma partida ruim do Tricolor, Crespo realizou alterações na metade e no final do segundo tempo. Com isso, o treinador foi questionado sobre uma possível ‘demora’ nas alterações. Para o argentino, o momento das alterações foi correto.

CONFIRA A TABELA ATUALIZADA E SIMULE OS JOGOS DO BRASILEIRÃO DE 2021!

Perguntado sobre o tempo que esperou para colocar o atacante Jonathan Calleri em campo, o técnico ficou insatisfeito com o repórter pelo uso da palavra ‘demora’. O técnico apontou a questão física do camisa 30 como o motivo para deixá-lo em campo nos minutos finais.

– A primeira coisa é: não concordo com você, com a premissa que demorei. Infelizmente você não pode vir aos treinos para ver a condição atlética de Calleri. A informação, se eu posso te passar, é que ele não joga desde abril. Cinco meses sem jogar, quinze dias com a gente, jogou quinze minutos domingo. Então, acredito que quinze minutos está bem, para não arriscar ele de ficar lesionado – comentou Crespo.

Em sua explicação, o argentino apontou que ainda precisa de tempo para que o atacante volte a jogar em sua melhor condição, mas reforçou que a comissão espera muito do atleta.

– Não é o salvador da pátria e não está em condições, neste momento, de jogar como titular. Ele precisa de tempo, vamos ver o tempo que precisamos para que possa voltar a fazer o que esperamos dele, e esperamos muito, mas a palavra ‘demorar’, não estou de acordo – afirmou.

Crespo se referiu, ainda, ao atacante Marquinhos, que também entrou ao decorrer da segunda etapa, mas recebeu mais minutos em campo. O jovem retornou de lesão.

– Estou com Marquinhos, que voltou depois de 50 dias. Claramente não posso esperar que seja o Marquinhos de 50 dias atrás, mas deve começar a jogar. Então, um por uma coisa e outro por outra coisa, sempre estamos atrás de situações físicas complicadas, mas temos que ter a paciência para que esses grandes jogadores possam voltar ao ‘top’ – concluiu Crespo.

Compartilhe este conteúdo!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.