Drenar-GDF-300x250-GIF
GDF cria grupo de trabalho para modernizar sistemas de gestão de saúde
Fachin prorroga prazo para plano de proteção de indígenas isolados
Estudo encontra dez novas espécies de leguminosas
Prioridade a pessoas idosas será indicada pelo símbolo “60+”
Nova Lei amplia idade máxima de veículos de aplicativos para 10 anos

Covid: Curitiba faz repescagem da 1ª dose. Veja mais capitais

Belo Horizonte vai aplicar a segunda dose para jovens de 19 anos vacinados com a CoronaVac

Belo Horizonte vai aplicar a segunda dose para jovens de 19 anos vacinados com a CoronaVac Divulgação/Breno Esaki/Agência Saúde

A vacinação contra a covid-19 avança em todo o Brasil, e, nesta quinta-feira (23), capitais imunizam novas faixas etárias e outros grupos que perderam suas datas de imunização.

Em Curitiba, por exemplo, haverá uma repescagem da primeira dose para as pessoas com 18 anos ou mais, além de gestantes e puérperas com 12 anos ou mais.

Também poderão receber a primeira dose os adolescentes com deficiência severa e permanente nascidos entre 24 de setembro de 2003 e 23 de setembro de 2004, bem como os adolescentes com comorbidades nascidos a partir de 24 de setembro de 2003 e em 2004.

Confira como será a vacinação contra a covid-19 nas capitais brasileiras nesta quinta (23):

São Paulo

A cidade de São Paulo continua a vacinação com a terceira dose para os idosos a partir de 80 anos que já tomaram a segunda dose há pelo menos seis meses, bem como para os imunossuprimidos com mais de 18 anos que tomaram sua última dose há pelo menos 28 dias.

A prefeitura também aplica a primeira dose para os adolescentes de 12 a 17 anos, e a segunda aos públicos elegíveis. Saiba mais detalhes no Vacina Sampa.

Além disso, o governo do estado anunciou que, a partir da próxima sexta-feira (24), a antecipação da segunda dose da Pfizer de 12 para 8 semanas. Aqueles que já receberam a aplicação do imunizante há dois meses ou mais podem concluir o esquema vacinal.

Rio de Janeiro

O Rio de Janeiro vai vacinar os idosos com 86 anos ou mais e os imunossuprimidos a partir dos 40 anos com a dose de reforço. O público com mais de 60 que recebeu a segunda dose até 28 de fevereiro também poderá receber a terceira dose.

A vacinação com a primeira dose será destinada para os meinos de 13 anos, além da segunda dose aos públicos elegíveis.

 

Belo Horizonte

 

A prefeitura de Belo Horizonte vai aplicar a segunda dose para jovens de 19 anos vacinados com a CoronaVac, com intervalo de 14 a 28 dias entre as duas doses. Só poderão tomar a segunda dose nesta quinta-feira (23) as pessoas de 19 anos com vacinação marcada para até 30 de setembro. Saiba mais no site da prefeitura.

Curitiba

A capital do Paraná fará uma repescagem da primeira dose para as pessoas com 18 anos ou mais, além de gestantes e puérperas com 12 anos ou mais. Também podem receber a primeira dose os adolescentes com deficiência severa e permanente nascidos entre 24/09/2003 e 23/09/2004, bem como os adolescentes com comorbidades nascidos a partir de 24 de setembro de 2003 e em 2004. A segunda dose será aplicada aos públicos elegíveis.

Já a dose de reforço continua sendo destinada a idosos com 70 anos ou mais, que receberam a segunda dose há 180 dias ou mais, e para imunossuprimidos que receberam a segunda dose há 28 dias ou mais. Saiba mais no site da prefeitura.

Goiânia

A prefeitura de Goiânia aplica a primeira dose para adolescentes de 12 a 16 anos com comorbidades, portadores de deficiências, gestantes e puérperas, além de adolescentes de 15 anos sem comorbidades e públicos elegíveis que perderam suas datas.

A segunda dose da AstraZeneca será aplicada para aqueles com data marcada para 23 de setembro ou em atraso, e da CoronaVac aos que possuem data marcada para 23 de setembro ou em atraso.

A terceira dose será aplicada para idosos acima dos 70 anos com seis meses de intervalo da segunda dose (23 de março), e para imunossuprimidos com 50 anos ou mais que receberam a segunda dose há pelo menos 28 dias (até 27 de agosto). Saiba mais neste link.

Porto Alegre

Porto Alegre continua a aplicação da dose de reforço em imunossuprimidos e idosos nesta quinta-feira. Estão elegíveis as pessoas com 70 anos ou mais vacinados com a segunda dose até 23 de março, e pessoas de de todas as idades com alto grau de imunossupressão e que tenham completado o esquema vacinal há pelo menos 28 dias.

Compartilhe este conteúdo!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *