Drenar-GDF-300x250-GIF
Paraíba será o primeiro estado a pagar o piso nacional da enfermagem
Reservatórios do Túnel de Taguatinga estão concretados
Entidades do setor produtivo fazem ressalva a juros altos
Mortalidade prematura por câncer no Brasil deve cair até 2030
Prato Cheio libera mais de R$ 21,2 milhões em parcela de fevereiro

China tem a capacidade de abordar situação da Evergrande mas riscos permanecem, diz FMI

NOVA YORK (Reuters) – A China tem a capacidade de abordar as questões relacionadas ao endividamento do China Evergrande Group, embora exista o risco de os problemas da incorporadora provocarem um estresse financeiro mais amplo, disse o Fundo Monetário Internacional nesta terça-feira.

A Evergrande, com mais de 300 bilhões de dólares em dívidas, tem preocupado investidores globalmente depois de ter perdido a terceira rodada de pagamentos de bônus em três semanas, intensificando os temores do mercado sobre contágio envolvendo outras incorporadoras.

“Acho que as autoridades têm como abordar a situação”, disse Tobias Adrian, diretor do Departamento Monetário e de Mercados de Capital do FMI, em entrevista junto com a divulgação do Relatório de Estabilidade Financeira Global.

“Eles têm a capacidade fiscal e as ferramentas legais e institucionais para lidar com a questão. Portanto o que poderia dar errado é a comunicação não ser muito clara e as medidas necessárias não serem adotadas.”

Adrian disse que “no momento o contágio está contido”.

(Reportagem de Megan Davies)

Fonte: R7 – Economia

Compartilhe este conteúdo!

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *