Estudo mostra descumprimento da Lei de Cotas em empresas paulistas
Anvisa autoriza estudo para nova vacina contra a covid-19
Balança comercial registra superávit de US$ 3,99 bi em setembro
Câmara dos Deputados terá quatro parlamentares indígenas
Pfizer apresenta pedido de vacina mais forte contra variante Ômicron

Caso seja reeleito, Ibaneis pretende manter modelo do Iges-DF

Imagem: divulgação

No primeiro dia oficial de campanha, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), foi o convidado do CB.Poder — parceria do Correio com a TV Brasília. Em busca da reeleição, o chefe do Executivo local, em entrevista à jornalista Ana Maria Campos, destacou as principais áreas trabalhadas durante a gestão e garantiu que deve manter o modelo de trabalho feito pelo Instituto de Gestão Estratégica de Saúde (Iges-DF). Além disso, também confirmou a candidatura ao Senado pela companheira de chapa e deputada federal Flávia Arruda (PL).


Ele, inclusive, afirma que pedirá votos para a aliada, que o acompanha na corrida eleitoral e fez uma belíssima campanha, em sua avaliação. “A candidata que eu vou apoiar diretamente, vou pedir votos é a senadora Flávia Arruda. Ela está na nossa coligação, tem se colocado ao meu lado em todos os momentos”, diz o governador, que ainda teceu elogios à também candidata ao Senado, a ex-ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves (Republicanos).

Ampliações

Com o pensamento voltado para os projetos de melhorias caso seja reeleito, Ibaneis planeja manter o modelo de serviços prestados pelo Instituto de Gestão Estratégica do Distrito Federal (Iges-DF), que administra os Hospitais de Base e Santa Maria, e outras 13 Unidades de Pronto Atendimento (UPAs). Além da gestão realizada, o governador afirma que construirá três novos hospitais em São Sebastião, Recanto das Emas, e outro no Centro Sul que, de acordo com o governador, pode ser um Hospital Geral.

“A ideia é que estejam dentro do (Iges) exatamente pela facilidade de contratação, pela possibilidade de pagar melhores salários para especialistas e precisamos de pessoas especialistas nessas áreas”, ressalta. Em relação à educação, o chefe do Executivo local pretende ampliar para 40 o número de escolas militarizadas no DF. Segundo Ibaneis Rocha, o modelo vem dando certo e recebeu poucas críticas durante o mandato.

Cenário nacional

Na disputa pela presidência do país, Ibaneis acredita que Jair Messias Bolsonaro (PL) está mais experiente e deve vencer a corrida eleitoral com o ex-presidente Lula (PT). O palanque de Bolsonaro em Brasília tem apoio do governador, que se diz grato pela ajuda do Governo Federal durante a pandemia e, consequentemente.

“Quem anda por Brasília vê uma cidade repleta de obras. Vê uma cidade repleta de infraestrutura. Na área da saúde, quando mais precisamos tivemos o apoio do Governo federal. Se eu negasse isso hoje seria uma traição minha em relação ao que o Governo Federal fez pela minha cidade. Seria muito ingrato com tudo que o presidente Bolsonaro fez pela nossa cidade ao longo desses quatro anos”, reitera o Governador de Brasília.

*Fonte: Correio Braziliense

Compartilhe este conteúdo!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.