Economia Vendas do comércio crescem 0,4% de setembro para outubro, diz IBGE
Sonho de Copa: filha usa camisa autografada do Brasil pentacampeão em 2002 para ajudar a mãe se reerguer
POPHAUS: O MAIOR PARQUE DE INFLÁVEIS DA AMÉRICA LATINA CHEGA A BRASÍLIA
Safra de grãos 2022/23 é estimada em 312,2 milhões de toneladas
Atleta patrocinado por empresa de Brasília compete hoje (8) na 4ª edição do Desafio Delta do Parnaíba/Ultra

Após sumiço em aeroporto, dono revê Pandora: ‘Estou flutuando’

A cachorra Pandora, desaparecida havia 45 dias após a conexão de um voo da Gol no Aeroporto de Guarulhos (SP), finalmente reencontrou seu dono, Reinaldo Gomes Junior.

À reportagem da Record TV, Reinaldo disse que se emocionou ao rever a cachorrinha em casa. “Estou sem palavras. No momento estou flutuando. Ainda não aterrizei na Terra para chorar o que tenho que chorar. Mas ainda estou mais preocupado com a saúde dela”, afirmou o garçom, que perdeu 16 kg desde o sumiço de Pandora.

A cachorrinha havia desaparecido em 15 de dezembro, em uma conexão da empresa Gol Linhas Aéres em Cumbica, de Recife (PE) para Navegantes (SC). No local, Reinaldo foi informado que Pandora tinha destruído a caixa onde seria transportada e escapou.

Desde então, o dono e sua família estavam procurando pela cachorra, que foi encontrada no terminal de cargas do aeroporto onde desapareceu. Reinaldo chegou a deixar seu emprego para se manter focado nas buscas por Pandora. Debilitada após um mês e meio desaparecida, ela será levada a um veterinário.

45 dias separaram Pandora de Reinaldo, seu dono

45 dias separaram Pandora de Reinaldo, seu dono Reprodução

Fonte: R7 – Cidades

Compartilhe este conteúdo!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *