Fies: pré-selecionados devem enviar informações até esta sexta-feira
Pesquisa aponta redução de 404 mil trabalhadores no comércio em 2020
Pesquisa delineia possibilidades para um segundo turno no DF
Caso seja reeleito, Ibaneis pretende manter modelo do Iges-DF
Movimentação de cargas cresce 2,3% no trimestre no Porto de Santos

Agência dos Estados Unidos libera pílula anti-Covid da MSD

Uso do molnupiravir foi autorizado para indivíduos com risco de desenvolver Covid-19 grave

Uso do molnupiravir foi autorizado para indivíduos com risco de desenvolver Covid-19 grave
Divulgação/MSD

A FDA (agência de medicamentos e alimentos dos Estados Unidos) autorizou nesta quinta-feira (23) o uso da pílula antiviral do laboratório MSD contra a Covid-19, após dar o sinal verde a um medicamento semelhante da Pfizer ontem.

O medicamento da MSD, o molnupiravir, desenvolvido com a Ridgeback Biotherapeutics, demonstrou reduzir as hospitalizações e mortes em cerca de 30% em um ensaio clínico com indivíduos de alto risco no início do curso da doença.

A agência autorizou o uso do medicamento oral para o tratamento de Covid-19 leve a moderada em adultos com risco de doença grave e para os quais tratamentos alternativos não são acessíveis ou clinicamente apropriados.

O governo dos EUA tem um contrato para comprar até 5 milhões de cursos do medicamento por US$ 700 cada um (R$ 4.000).

O uso do medicamento por pacientes com menos de 18 anos não está aprovado porque o molnupiravir pode afetar o crescimento dos ossos e da cartilagem, disse a FDA em um comunicado.

Fonte: R7 – Saúde

Compartilhe este conteúdo!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Últimas Notícias:

vacina